Viagem Gastronômica

Arquipélago da Madeira

A casa do singular vinho

Por: Joenio Dessaune / Divulgação

Após um pouco mais de um mês da abertura ao turismo internacional, o Arquipélago da Madeira continua a ser um dos destinos mais seguros da Europa e registra apenas nove* casos ativos de Covid-19. No entanto, como medida de prevenção tornou-se obrigatório, desde o dia 1º de agosto, o uso de máscaras em espaços públicos, mas o anúncio sobre a utilização de máscaras em espaços públicos foi acompanhado de uma quantidade de medidas de exceção que visam não comprometer o conforto e usufruto dos ambientes ao ar livre pelos turistas e pelos madeirenses. Estão excluídas da obrigatoriedade da utilização de máscaras ocasiões em que o distanciamento social seja respeitado, como em atividades esportivas, passeios de natureza, visitas às praias e complexos balneares, por exemplo, ou em situações específicas, como para crianças de até 10 anos.

“A segurança de visitantes e cidadãos está no topo das nossas prioridades e, por isso, é imprescindível manter o número de casos reduzidos, mas também a liberdade de viver e desfrutar as nossas ilhas da Madeira e Porto Santo. Esse esforço em conjunto político e de cidadania exemplar tem garantido o excepcional controle da pandemia em nosso destino, além de permitir desfrutar da oferta turística da região com segurança”, afirma Nuno Vale, diretor executivo da Associação de Promoção da Madeira.

naom_5bfc1741a5c96.jpg
Ilha da Madeira, vista aérea do anoitecer na Quinta da Marinha. Foto: Banco de Dados.

Sobre o Arquipélago da Madeira

Considerado o melhor destino insular do mundo, a Madeira é um pequeno paraíso português situado em meio à imensidão do Oceano Atlântico. De origem vulcânica, sua localização privilegiada proporciona clima ameno e mar com temperatura agradável o ano inteiro, além de impressionantes cenários de montanhas, vales e penhascos, todos cobertos pela exuberante vegetação Laurissilva, nomeada Patrimônio Natural da Humanidade pela Unesco. O arquipélago é formado por um conjunto de ilhas, sendo as principais e únicas habitadas Madeira e Porto Santo. Há excelentes opções em balneários, monumentos históricos e ótimos hotéis e restaurantes, onde se pode provar a deliciosa gastronomia e os premiados vinhos madeirenses.

Os sabores da Ilha da Madeira, sempre encantam os viajantes. Abusando dos ingredientes locais, principalmente frutos do mar e frutas, os madeirenses desenvolveram iguarias inesquecíveis, como por exemplo, para o café da manhã ou entrada: o bolo do caco (que na verdade é um pão redondo), já para o lanche ou o café da tarde: uma bela queijada, para o prato principal do almoço ou jantar: os bifes de atum e a espetada (um tipo de churrasco), e para finalizar, um pudim de maracujá de sobremesa.

Imagem5-e1557222605593.jpg

A Ilha da Madeira é conhecida pelos seus frutos deliciosos e exóticos. Graças ao clima subtropical e solo fértil da ilha, são muitas as variedades de frutos da madeira que enchem de cor e sabor, mesas e mercados regionais. Foto: Site https://www.madeiraallyear.com/.

Não há dúvidas de que a Ilha da Madeira é um destino fascinante e completo. E, como não poderia ser diferente, o lugar também segue as tradições do restante de Portugal na produção de vinho. Sua localização privilegiada, solo vulcânico e método de preparo especial dão origem a uma bebida de características singulares: o vinho Madeira. Esse é um vinho fortificado, ou seja, recebe álcool vínico para barrar a fermentação, o que faz com que também tenha um alto teor alcoólico, podendo ultrapassar os 19%. Seu processo de produção foi conhecido por acaso. Os vinhos Madeira podem ter vários graus de doçura, desde seco e meio seco, até doce e meio doce, cada um associado a um tipo de casta. Os vinhos doces são produzidos com a casta Malvasia, os meio doces são da casta Bual, meio secos com a casta Verdelho e os secos com a casta Sercial. Já a casta Tinta Negra é base da maior parte da produção, dada a sua versatilidade para produzir os quatros graus de doçura.

Na Madeira existem inúmeros restaurantes, espalhados por todo o arquipélago, de diferentes estilos e variados preços. Poderão optar pelo requinte de restaurantes galardoados com estrelas Michelin, marisqueiras à beira-mar, churrascarias na montanha ou restaurantes típicos de cozinha tradicional.

Deixem-se seduzir pela deliciosa arte da gastronomia regional e escolham o vosso prato preferido.

*Número de casos ativos até o fechamento da matéria.